1044

13 Set 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

Mensagem de Natal destaca conquistas do país e perspetiva um 2018 melhor
Melhor emprego é prioridade para consolidar o futuro
AUTOR

Partido Socialista

DATA

27.12.2017

FOTOGRAFIA

dr

Melhor emprego é prioridade para consolidar o futuro

Na tradicional mensagem de Natal, o primeiro-ministro, António Costa, dirigiu aos portugueses uma “mensagem de confiança” no futuro, congratulando-se com as conquistas que o país conseguiu alcançar nos últimos dois anos e afirmando que o Governo terá como prioridade para o próximo ano a criação de mais e melhor emprego.

 

“A prioridade que definimos para o ano de 2018” é “não apenas mais, mas melhor emprego”, ou seja, “emprego digno, salário justo e oportunidades de realização profissional”, salientou António Costa.

Numa mensagem centrada no futuro e na esperança, o líder do Executivo socialista dirigiu-se especialmente aos portugueses mais jovens, sublinhando a necessidade de serem criadas cada vez melhores condições para que estes possam perspetivar o seu futuro em Portugal.

“Não um futuro adiado, mas um futuro alicerçado em boas oportunidades de formação e de emprego qualificado, de habitação acessível, numa sociedade dinâmica, aberta ao mundo, que garanta a liberdade de plena realização pessoal”, afirmou.

Na sua mensagem, António Costa destacou as importantes conquistas do país na frente económica e financeira, sublinhando que Portugal terá, em 2017, “o maior crescimento económico desde o início do século”, a criação de 242 mil novos postos de trabalho, a diminuição da pobreza e da desigualdade, a par do registo do défice mais baixo em mais de quatro décadas de democracia.

“Estes resultados mereceram o reconhecimento internacional, permitindo-nos diminuir o peso da nossa dívida, reduzir os seus custos, libertando recursos para podermos investir responsavelmente na melhoria do nosso sistema de ensino, do serviço nacional de saúde e na modernização do país”, acentuou.

A conquista de credibilidade interna e externa, validando um caminho que se libertou da política de austeridade, confere ao país no seu todo e ao Governo em particular, como assinalou o primeiro-ministro, uma energia reforçada de superação e de confiança no futuro, onde a prioridade à criação de melhor emprego desempenha um papel central.

“Chegou o tempo de vencer os bloqueios ao nosso desenvolvimento. O emprego está no centro da nossa capacidade de conquistar o futuro”, sublinhou António Costa.

AUTOR

Partido Socialista

DATA

27.12.2017

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1414
Agosto 2019