1034

31 Jul 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

SAÚDE
Governo pretende mais médicos no Algarve
AUTOR

João Quintas

DATA

27.06.2018

FOTOGRAFIA

dr

Governo pretende mais médicos no Algarve

O ministério da Saúde pretende reforçar os cuidados de saúde na região do Algarve para responder a 1,5 milhões de pessoas.

 

O ministério da Saúde, através de despacho publicado ontem no Diário da República, decidiu a adoção de “um modelo excecional de mobilidade de pessoal médico visando reforçar os cuidados de saúde no Algarve, até 30 de setembro de 2018”.

O ministério da saúde considera que o reforço de médicos na região não poderá “comprometer o regular e normal funcionamento dos demais serviços e estabelecimentos de saúde”, pode ler-se no despacho.

Por outro lado, a adesão dos médicos à medida será voluntária e dependerá “sempre da apresentação de candidatura por parte do trabalhador médico interessado” , ficando dispensado “o acordo do órgão ou serviço de origem, conferindo, ainda, o direito ao pagamento das ajudas de custo e, no caso, da mobilidade a tempo parcial, despesas de transporte”, define o despacho.

O ministério de Adalberto Campos Fernandes pretende, assim, que o sistema de saúde esteja capacitado em termos de assistência médica para responder ao milhão e meio de pessoas que deverão ocorrer à região do Algarve nesta época do verão.

AUTOR

João Quintas

DATA

27.06.2018

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1414
Agosto 2019