1003

14 Jun 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

Contratos de investimento
Governo aprova projetos empresariais com investimento superior a 169 milhões de euros
AUTOR

Rui Solano de Almeida

DATA

02.03.2018

FOTOGRAFIA

DR

Governo aprova projetos empresariais com investimento superior a 169 milhões de euros

O Conselho de Ministros de ontem, quinta-feira, aprovou as minutas de contratos fiscais de investimento a celebrar entre o Estado e quatro sociedades comerciais, no valor superior a 169 milhões de euros, projetos que permitirão a criação de 1147 novos postos de trabalho até 2025 e a manutenção dos atuais 2562 empregos.

 

Segundo o comunicado do Conselho de Ministros, estes acordos vão permitir a criação de 36 estabelecimentos ligados à restauração (entre a Iber King e a Iberusa), uma nova unidade industrial automóvel, ligada à Benteler - Indústria de Componentes para Automóveis, e a construção e equipamento de uma nova unidade industrial autónoma, a "Navigator Tissue Cacia".

Só o contrato estabelecido com a Iber King, refere o comunicado do Conselho de Ministros, vai proporcionar, até ao final e 2025, para além da criação de 676 novos postos de trabalho, a distribuir por 26 novos estabelecimentos de restauração, num investimento que rondará os cerca de 32 milhões de euros, a "manutenção dos atuais 802 postos de trabalho".

Quanto ao contrato assinado com a sociedade Iberusa, prevê-se a criação de 10 novos estabelecimentos de restauração, num investimento global a rondar os 10 milhões de euros, iniciativa que vai promover a criação de 250 novos postos de trabalhos, "até ao final de 2025", bem como a manutenção dos atuais 1662 empregos.

 

Reforço da indústria automóvel

O Estado, ainda segundo o comunicado do Conselho de Ministros, assinou também um contrato com a "Benteler", uma empresa que se dedica ao fabrico de componentes para automóveis, atribuindo-lhe um crédito fiscal em sede de IRC de 10%, empresa que vai investir um total de 6,35 milhões de euros na criação de uma nova unidade industrial em Palmela, de componentes para um modelo da Volkswagen lançado em 2017.

Este contrato, para além de permitir a criação de 88 novos postos de trabalho permanente até 31 de dezembro de 2019, possibilita ainda a manutenção dos 98 atualmente existentes.

Finalmente, o Estado assinou também um contrato com a sociedade Navigator Tissue Cacia, no valor de 120,5 milhões de euros, para a construção e o equipamento de uma nova unidade industrial, contrato em que o Estado concede a esta empresa um crédito fiscal em sede de IRC, de 10%, até ao montante máximo de 11,5 milhões de euros, comprometendo-se a empresa a criar até 31 de dezembro de 2021, 133 novos postos de trabalho.

Tal como refere o Governo no comunicado do Conselho de Ministros, estes projetos empresariais "representam um investimento global superior a 169 milhões de euros", investimento que vai permitir a criação de 1147 novos postos de trabalho até 2025, para além da manutenção dos atuais 2562 empregos.

 

 

 

AUTOR

Rui Solano de Almeida

DATA

02.03.2018

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1413
Maio 2019