1046

17 Set 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

Comissão Nacional da JS
Ensino Superior e Habitação dominam propostas para OE2018
AUTOR

Partido Socialista

DATA

12.10.2017

FOTOGRAFIA

DR

Ensino Superior e Habitação dominam propostas para OE2018

O órgão máximo da Juventude Socialista reuniu no passado domingo, dia 8 de outubro, no Centro Cultural e de Congressos de Aveiro. A sessão de abertura desta reunião contou com as intervenções dos anfitriões Manuel Oliveira de Sousa, presidente de Concelhia do PS de Aveiro, Jorge Sequeira, vice-presidente da Federação de Aveiro do Partido Socialista, e Paulo Tomaz, presidente da Federação de Aveiro da Juventude Socialista.

 

O encontro dos jovens socialistas tinha como ponto único da ordem de trabalhos a análise da situação política, ponto onde se destacou a discussão sobre a campanha e os resultados das eleições autárquicas, o debate em torno da atual situação social e política na Catalunha, bem como as sugestões sobre quais as posições políticas dos jovens socialistas relativamente ao próximo Orçamento do Estado para 2018.

Na sua intervenção, o Secretário-geral da JS, Ivan Gonçalves, apontou três temas centrais que devem nortear o documento, defendendo, em primeiro lugar, o reforço dos apoios aos estudantes universitários: “A redução de custos para quem estuda no ensino superior tem de ser uma preocupação central no orçamento do estado para 2018”.

“A Juventude Socialista defende um reforço dos apoios aos estudantes deslocados, designadamente através da possibilidade de dedução dos seus gastos com habitação. Defendemos, ainda, o incremento dos descontos para estudantes nos passes sociais para os 50% e o estabelecimento de um teto máximo para o valor da propina do segundo e terceiro ciclo a vigorar nas instituições de ensino superior”, sustentou Ivan Gonçalves.

O líder dos jovens socialistas defendeu ainda “a existência de apoios para jovens na área da habitação, através do reforço de verbas do programa Porta 65 e a necessidade de melhoria da implementação do programa Garantia Jovem”, como temas que devem constar da proposta de Orçamento do Estado.

Por último, houve ainda tempo para a apresentação de um voto de preocupação para com a situação política na Catalunha e um voto de congratulação pelos 25 anos da YES, os quais foram aprovados por unanimidade.

 

AUTOR

Partido Socialista

DATA

12.10.2017

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1414
Agosto 2019