1046

17 Set 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

Simone Veil
Maria Manuel Leitão Marques recorda “mulher de causas”
AUTOR

Partido Socialista

DATA

05.07.2017

FOTOGRAFIA

DR

Maria Manuel Leitão Marques recorda “mulher de causas”

“Hoje é um dia importante para mim, mulher, ocupando um lugar no Governo, vir aqui prestar homenagem a uma mulher de causas”, afirmou a ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão Marques, em Paris, onde esteve presente nas cerimónias fúnebres de Simone Veil, a primeira presidente do Parlamento Europeu.

 

Maria Manuel Leitão Marques destacou, de entre as causas que marcaram o legado de Simone Veil, a lei de despenalização do aborto, “que defendeu em 1974 e que foi aprovado em 1975, num Parlamento de homens onde ouviu, direi, quase insultos”.

“Simone Veil bateu-se pelas causas dela sem medo, enfrentando às vezes oposições difíceis, mas sempre com grande determinação. Hoje, é isso que nos deve orientar, na política e na vida: Termos as nossas causas e sermos determinados, pacientes e resilientes a lutar por elas”, disse a governante portuguesa.

Maria Manuel Leitão Marques salientou também o facto, “indelével na história da união Europeia”, da histórica política francesa ter sido a primeira mulher a presidir ao Parlamento Europeu, destacando-lhe “a luta pela igualdade e pelo acesso à educação”.

“Simone Veil é uma referência para todas as pessoas, para homens e para mulheres”, sublinhou.

A ministra referiu ainda que o caminho a percorrer para que mais mulheres ocupem cargos de liderança na sociedade é “um processo que se vai fazendo”, apontando que está “muito mais perto do que quando Simone Veil defendeu, na Assembleia francesa, a causa da despenalização do aborto”.

“As quotas naturalmente ajudaram a chegar a esse objetivo, mas há muito mais para além disso”, considerou.

 

AUTOR

Partido Socialista

DATA

05.07.2017

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1414
Agosto 2019