1085

12 Nov 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

Parlamento Europeu
Maria João Rodrigues questiona presidente do Eurogrupo
AUTOR

Mary Rodrigues

DATA

04.04.2017

FOTOGRAFIA

DR

Maria João Rodrigues questiona presidente do Eurogrupo

Alguns Estados-membros foram profundamente atingidos pela instabilidade porque foram expostos à violência da crise financeira sem que a União Económica e Monetária estivesse preparada para os defender e não apenas pela “pela razão simplista” da indisciplina orçamental e económica.

 

Esta a ideia defendida pela eurodeputada socialista Maria João Rodrigues, que reagiu assim às recentes afirmações a este propósito do presidente do Eurogrupo, Jeroen Dijsselbloem.

Durante um debate sobre a crise grega no Parlamento Europeu em Estrasburgo, e a que o visado faltou, a eurodeputada salientou que as palavras do presidente do fórum informal dos ministros das Finanças da zona euro “refletem uma a solução errada para resolver esta crise”.

Maria João Rodrigues considerou que Dijsselbloem “não está à altura de ser presidente do Eurogrupo”.

Recorde-se que Jeroen Dijsselbloem se encontra atualmente sob um coro de críticas do Parlamento Europeu, na sequência da entrevista ao jornal Frankfurter Allgemeine Zeitung, na qual disse que não se pode pedir ajuda depois de se gastar todo o dinheiro em álcool e mulheres, mas também por não se ter disponibilizado a participar num debate no hemiciclo europeu sobre o programa de assistência à Grécia.

AUTOR

Mary Rodrigues

DATA

04.04.2017

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1414
Agosto 2019