1028

23 Jul 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

Amanhã
PS cria novo departamento dedicado à Economia Social
AUTOR

Partido Socialista

DATA

17.03.2017

FOTOGRAFIA

Partido Socialista

PS cria novo departamento dedicado à Economia Social

O Partido Socialista promove amanhã, sábado, a conferência “Economia Social: Responder ao presente, preparar o futuro”, que contará com a presença da Secretária-geral adjunta, Ana Catarina Mendes, e que se insere na iniciativa de criação de um Departamento Nacional de Economia Social no partido.

 

Com a realização desta conferência, o PS pretende evidenciar a importância que atribui esta área enquanto forma de organização económica e de produção de serviços com um papel determinante na expansão do emprego, da igualdade de oportunidades e na promoção de bens sociais, ambientais e históricos que suportam o desenvolvimento local e regional. 

A conferência, que tem lugar na sede nacional do PS, a partir das 15h00, conta com as intervenções, na sessão de abertura, da secretária nacional Susana Ramos, de Fernando Martinho, coordenador da secção setorial de Economia Social da Federação do PS/Porto, e do presidente da FAUL, Marcos Perestrello.

Terão depois lugar dois painéis de debate, subordinados aos temas “Identidade da Economia Social”, moderado pela deputada e presidente do DFMS da FAUL, Susana Amador, e “A Economia Social no desenvolvimento local”, com moderação a cargo de Cátia Rosas, coordenadora da secção de Ambiente e Território da FAUL, onde intervirão diversos especialistas nesta área.

A partir das 18h00, realiza-se a sessão de encerramento, com intervenções do presidente da Associação Nacional de Freguesias (Anafre), Pedro Cegonho, do representante da Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) no Conselho Nacional para a Economia Social, Jorge Faria, e do ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, José António Vieira da Silva. A iniciativa será concluída com a intervenção da Secretária-geral adjunta do PS, Ana Catarina Mendes.

Pode consultar aqui o programa integral.

 

Departamento Nacional de Economia Social

Ao criar um Departamento Nacional de Economia Social, o PS pretende dar robustez a um novo setor sociopolítico do partido, com uma lógica de atuação nacional abrangente e passível de fomentar a participação política deste setor, valorizando a enorme diversidade das diferentes entidades que o constituem.

No quadro da União Europeia e dos desafios que se lhes colocam, o Departamento Nacional de Economia Social contribuirá também para a participação do Partido Socialista na construção de uma política europeia para a Economia Social, cujo movimento se encontra em franca expansão.

 

 

AUTOR

Partido Socialista

DATA

17.03.2017

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1413
Maio 2019