1006

19 Jun 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

XXI Congresso
PS deve discutir modelo de vinculação promotor de maior abertura
AUTOR

Mary Rodrigues

DATA

16.05.2016

FOTOGRAFIA

Jorge Ferreira

PS deve discutir modelo de vinculação promotor de maior abertura

Após o próximo Congresso socialista, o 21º, a decorrer de 3 a 5 de junho, em Lisboa, a Secretária-geral adjunta quer ver “um PS mais participado, mobilizado e, sobretudo, mais aberto à sociedade”.

 

Em entrevista concedida ao “Diário de Notícias”, Ana Catarina Mendes fala em “efetivação da abertura” socialista, garantindo que esta terá uma tradução na orgânica do partido.

A tradução, de resto, conforme sublinha, “já começou” com a preparação realizada nas várias conferências em que participaram movimentos sociais, independentes e simpatizantes.

“Acho muito importante que o PS reveja a forma de vinculação ao partido independentemente das quotas”, sublinhou a dirigente socialista.

Faz por isso sentido, defende Ana Catarina Mendes que se discuta no próximo mandato a forma de vinculação procurando uma “maior abertura”.

“E nos órgãos do partido deveríamos ter um terço dos membros que fossem políticos não profissionais”, advoga, explicando que “o PS é um partido de cidadãos normais e não só de deputados, autarcas e membros do governo.

Quanto a possíveis alterações estatutárias, a Secretária-geral adjunta afasta essa hipótese.

“Mas a questão da vinculação ao partido será matéria para os próximos órgãos nacionais discutirem”, adiantou.

 

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1413
Maio 2019