1107

12 Dez 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

Património e Turismo
Governo lança programa para promover 62 fortalezas de fronteira
AUTOR

Partido Socialista

DATA

25.07.2019

FOTOGRAFIA

dr

Governo lança programa para promover 62 fortalezas de fronteira

O programa ‘Dinamizar Fortalezas’ foi apresentado esta terça-feira, em Monção, no distrito de Viana do castelo, como o objetivo de promover 62 fortalezas situadas na raia entre Portugal e Espanha. O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, que presidiu ao lançamento do programa, explicou que as fortalezas identificadas “vão ser, não só requalificadas, mas também beneficiar de uma promoção conjunta, como produto turístico”.

 

O programa foi lançado no Castelo de Monção, uma das 62 fortificações que o Governo quer promover, por considerar que aqueles monumentos “são âncoras de desenvolvimento regional que podem criar emprego e gerar riqueza, afirmando-se como novos destinos turísticos”. Segundo o governante, os monumentos “estão em estado de conservação e de visitação muito diferentes”.

“Há fortalezas em muito bom estado de conservação e podem ser facilmente visitadas e, outras, que precisam de trabalhos de requalificação”, apontou.

Pedro Siza Vieira explicou que o novo programa incluiu, numa primeira fase, um levantamento exaustivo e a verificação das condições de visitação, havendo agora, numa segunda fase, uma aposta na promoção, “atraindo operadores turísticos e jornalistas, e a divulgação das fortalezas através de um sítio na internet criado para o efeito”.

A terceira fase, acrescentou, prevê “o apoio financeiro aos municípios para intervenções de requalificação, quer ao nível da manutenção quer da melhoria das condições de acesso”, tendo revelado que o programa Valorizar, que se tem revestido de “um grande sucesso”, com 133 milhões de euros de investimento apoiado a cerca de 620 projetos, passa a estar acessível às candidaturas de requalificação.

O programa ‘Dinamizar Fortalezas’, apresentado na presença da secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, inclui a criação de condições de visitação e de conteúdos e promoção internacional, tirando partido da proximidade ao mercado espanhol.

O ministro destacou ainda que o programa tem como “objetivo a estruturação de produtos, no interior de Portugal, que possam ser promovidos junto dos turistas nacionais e estrangeiros, atraindo mais visitantes a territórios de baixa densidade”.

 

 

AUTOR

Partido Socialista

DATA

25.07.2019

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1414
Agosto 2019